Por que o conflito é uma peça-chave para o seu crescimento profissional

Conflitos são comuns no ambiente corporativo e costumam causar desconforto nas pessoas, contudo, se bem administrados, eles podem trazer uma grande oportunidade de crescimento profissional para os envolvidos. É a partir dos conflitos que se constroem novos pontos de vista, inovações e relacionamentos mais fortalecidos, o que contribui diretamente para a melhoria do desempenho no contexto organizacional e também nos relacionamentos interpessoais.

Quando há conflito, existe a oportunidade de mudar, de criar alternativas, de agregar valor, de colocar-se no lugar do outro e compreender o que o leva a pensar de determinada maneira. E sendo assim, existe também a oportunidade de aprender, compartilhar e construir um conhecimento completamente novo. Por esse motivo, a gestão de conflitos é uma das competências mais buscadas no mercado de trabalho.

Se você pretende alçar novos patamares na sua carreira, não pode deixar de ver a gestão de conflitos como uma competência essencial a ser desenvolvida, por isso preparamos este post para que você entenda como tudo isso pode ajudar no seu crescimento profissional. Pronto para aprender a importância dos conflitos? Acompanhe!

Quais são os tipos de conflito que você pode enfrentar no dia a dia

O ambiente corporativo é formado por profissionais com os perfis mais variados possíveis, com personalidades distintas, valores próprios e conceitos únicos. Dessa forma, é natural que cada pessoa reaja de uma maneira diferente, o que pode levar a conflitos construtivos ou destrutivos que são, em sua maioria, fruto de desavenças pessoais, da falta de empatia entre colegas de trabalho ou de uma percepção diferenciada sobre determinado assunto. De uma maneira geral, você encontra três tipos de conflitos nas empresas:

Conflito latente

É aquele que está na iminência de acontecer. Você já percebeu que existe uma tensão no ar com relação a uma determinada questão, como a priorização de um projeto, por exemplo, e que será necessário discutir, em algum momento, o melhor caminho a ser tomado.

Conflito aberto

É aquele já está à vista de todos, como a discordância em um ponto de vista em uma reunião. Você acredita que é preciso investir mais e o seu colega pensa que o melhor é cortar gastos, por exemplo.

Conflito velado

Esse é o pior tipo de conflito que você pode enfrentar, já que ele não está às claras. O conflito velado gera hostilidade entre os envolvidos e costuma impactar o clima de maneira bem negativa, como fofocas, reclamações e até uma traição de um colega dentro da empresa.

Como fazer a gestão de conflitos

Como os conflitos fazem parte do nosso dia a dia, a melhor maneira de lidar com eles é vendo-os como algo natural e necessário para o crescimento profissional de todos. Mas é importante tratar os conflitos de forma construtiva, ou seja, visando sempre chegar a um consenso em que todos fiquem satisfeitos.

O melhor caminho para solucionar um conflito é sempre o diálogo, a conversa. Quando as pessoas conversam podem entrar em sintonia, ler a linguagem corporal dos demais e entrar em concordância sem partir para o embate aberto e desrespeitoso. É por isso que conhecer o perfil das outras pessoas, assim como o seu próprio, permite que você compreenda com mais facilidade o motivo do surgimento do conflito e a melhor forma de acabar com ele.

Saber o que te tira do sério, o que afeta negativamente os seus colegas, qual o melhor local para discutir determinado assunto (se abertamente em uma sala fechada), são algumas das percepções que você deve desenvolver para fazer uma boa gestão de conflitos.

Como os conflitos contribuem para o seu crescimento profissional

Você pode pensar que os conflitos devem ser evitados a todo custo, mas a verdade é que quando há concordância demais perde-se a criatividade, a inovação e o poder de buscar respostas alternativas aos problemas e necessidades da empresa. Ou seja, sem conflito não há multidisciplinaridade, não há evolução de ideias ou competitividade na empresa.

Quando existe um conflito você tem a oportunidade de conhecer melhor as pessoas, saber quais são suas motivações, suas frustrações, desejos e planos futuros, o que contribui para que você se desenvolva como um líder, alguém que sabe coordenar esforços para atingir objetivos em comum, aproveitando o melhor de cada pessoa da equipe.

Durante um conflito de interesses, por exemplo, você pode perceber outras necessidades da empresa, compreender melhor como funciona um determinado setor ou departamento e, assim, aumentar o seu entendimento sobre a estrutura organizacional — o que o coloca como um potencial candidato a uma gerência.

Se ocorre um conflito interpessoal, é uma ótima oportunidade para que você se autoavalie e perceba pontos de melhoria no seu comportamento, busque capacitações, uma sessão de mentoring ou coaching para desenvolver o seu lado emocional e aumentar o seu apreço dentro da empresa. Pessoas que se relacionam bem com as demais conquistam cooperação, algo fundamental para se destacar na carreira.

Em um conflito de opiniões, você pode atuar como mediador, elencar os pontos fortes de cada argumento, direcionar as partes para um acordo e contribuir para o crescimento profissional de ambos, além de gerar mais valor para a empresa, que sai ganhando tanto com o alinhamento entre os profissionais quanto na obtenção de uma solução mais adequada.

Os benefícios da gestão de conflitos

A gestão de conflitos permite que você exercite seu poder de comunicação, de mediação e entendimento. Promove uma empatia maior entre você e seus colegas de trabalho, melhorando o desempenho de todos e reduzindo as diferenças pessoais e profissionais que não contribuem para resultados efetivos.

Aprender a gerenciar conflitos é aprender a equilibrar suas emoções de maneira que elas sejam utilizadas somente para criar o consenso e a harmonia, estimulando a união de esforços para o crescimento profissional da equipe e o atingimento dos objetivos da empresa. Para tanto, lembre-se de que ouvir é fundamental, assim como não julgar alguém antes de um bom diálogo.

Quando você passar a ver cada conflito como uma oportunidade de aprendizado, terá nas mãos a chave para o seu crescimento profissional (e pessoal), portanto, exercite sua habilidade de gestão de conflitos!

Gostou desse post? Quer continuar aprendendo como se desenvolver profissionalmente? Acompanhe nosso blog e mantenha-se atualizado!

Faça seu cadastro e fique por dentro das novidades! clique aqui





Comentarios

Sem comentários ainda.

Seu navegador não suporta canvas

“O Conhecimento é Irreversível”

Acreditamos que quando a gente muda nossa maneira de ver as coisas, somos capazes de mudar o contexto ao nosso redor: nossas relações, nosso trabalho e nossa vida.

O conhecimento é o grande catalizador desta mudança: tem o poder de nos tornar diferentes, mudar a nossa consciência e nos transformar.

INDIQUE UM CURSO